Menstruação ou corrimento rosado: o que pode ser?

Menstruação ou corrimento rosado: o que pode ser?

Imagina a cena: você foi ao banheiro e notou um corrimento rosado na sua calcinha. Será que isso é normal?

Na maioria dos casos, isso não é sinal de preocupação. O que geralmente acontece é que o sangue pode se misturar com o muco cervical ao sair do útero. Sendo assim, o vermelho do sangue se mistura com o tom claro do muco, resultando no sangramento rosa.

No entanto, em casos mais raros essa cor também pode ser um sinal de gravidez ou de algumas condições de saúde, como desequilíbrio hormonal ou infecção. Por isso é importante ficar atenta se o sangue rosa vem acompanhado de outros sintomas. 

A seguir a gente te conta 10 possíveis causas do corrimento rosa e quando você deve entrar em contato com sua médica para um check-up.

1. Corrimento rosado pode ser: começo ou final da menstruação

O sangramento rosa no início e no final da menstruação é absolutamente normal. Neste momento, o sangue está descendo devagar e pode se misturar com outras secreções ao sair da vagina, diluindo sua tonalidade de vermelha para rosa.

Se o corrimento rosa te pegou de surpresa fora do período menstrual habitual, pode ser um sinal de menstruação irregular. Nesse caso, o fluxo pode durar poucos dias e ter uma aparência mais rosada. A menstruação irregular pode ser causada pela idade, estresse, mudanças no estilo de vida ou oscilação de peso.

Se você não tiver a fim de usar absorvente descartável nesses dias de fluxo leve, uma boa saída é usar uma calcinha absorvente. Ela é capaz de absorver o sangue menstrual sem deixar passar para a roupa. Aí é só lavar e usar de novo!

Clique aqui e entenda como funciona a calcinha absorvente

2. Desequilíbrio hormonal 

Baixos níveis de estrogênio podem levar ao sangramento ou corrimento rosado em diferentes períodos do seu ciclo, não necessariamente quando você esperaria uma menstruação. 

O hormônio estrogênio ajuda a estabilizar o revestimento uterino. No entanto, sem estrogênio suficiente, o revestimento uterino pode se romper e se desprender antes do previsto ou de forma irregular, levando a manchas de corrimento rosa.

Perceba se você está sentindo outros sintomas de desequilíbrio hormonal, como ondas de calor, insônia, alterações de humor, dificuldade de concentração, infecções urinárias ou mudança de peso. Se esse for o caso, marque uma consulta com sua médica para explicar os sintomas que estão te incomodando.

3. Você mudou seu anticoncepcional 

Se você começou a usar anticoncepcional faz pouco tempo ou se você mudou o tipo de anticoncepcional que estava usando, isso pode criar um desequilíbrio artificial de estrogênio.

Esse desequilíbrio pode resultar num sangramento de escape, também conhecido como spotting, e que pode se apresentar nas cores rosa, avermelhada ou marrom. O sangramento de escape é mais comum quando há uso de contracepção que contém pouco ou nenhum estrogênio.

Sangramento de escape ou spotting: o que pode ser?

Pode ser incômodo ter sangramentos fora do período menstrual, mas não é nada para se preocupar, pois é apenas o seu corpo se ajustando aos novos hormônios. Geralmente após os três primeiros meses esse sangramento tende a parar.

Até lá, você pode usar a calcinha absorvente ou o absorvente reutilizável para lidar com as manchinhas de sangue. Assim você não precisa lidar com os incômodos de usar o  absorvente descartável fora do período menstrual. 

4. O corrimento rosado pode ser também que você está ovulando

O óvulo é liberado da trompa aproximadamente 14 dias antes do início da menstruação, ou seja, bem na metade do ciclo menstrual. Esse evento é conhecido como ovulação, e é o período com maiores chances de ocorrer a gravidez.

Se você tiver sangramento nesse período, você pode fazer parte dos 3% de mulheres que apresentam sangramento durante a ovulação. Esse sangramento fica rosa porque o sangue acaba se diluindo no muco cervical que costuma ser mais claro nesse período.

Outros sintomas em torno da ovulação incluem dor ou cólica na parte inferior do abdômen. A temperatura corporal nessa fase também pode variar. 

5. Corrimento rosado pode ser gravidez

A implantação ou nidação ocorre quando o óvulo fertilizado se fixa no revestimento uterino. 

Diante disso, entre 10 a 14 dias após a concepção, algumas pessoas podem apresentar sangramento leve e na cor rosa chamado de sangramento de implantação ou nidação. 

Outros sintomas de gravidez precoces incluem enjoos matinais, seios doloridos e fadiga. Se a sua menstruação está atrasada ou você notar manchinhas de sangue rosa na sua calcinha, considere fazer um teste de gravidez para tirar a dúvida. 

6. Lóquia comum no pós-parto

É comum a mulher apresentar sangramento num período de quatro a seis semanas após o parto. Este sangramento é chamado de lóquia.

A lóquia começa como um sangramento vermelho intenso e com pequenos coágulos. Após certo período, é normal esse sangramento ficar num tom marrom ou rosado antes de parar.

Mas não se preocupe porque você não vai precisar ficar seis semanas seguidas usando absorvente descartável. Você pode contar com os absorventes reutilizáveis da Korui no tamanho Super, que medem cerca de 30 cm de comprimento e são ideais para o período pós-parto! Clique aqui pra conhecer!

Sangrar no período pós parto é normal, mas se você tiver notar algo fora do normal como muitos coágulos ou mau cheiro, consulte seu médico pra investigar o que pode ser, ok?

7. Você está chegando na menopausa

A perimenopausa é o período no qual o seu corpo está em transição para a menopausa. Durante esse período, os níveis de estrogênio aumentam e diminuem de forma imprevisível. Isso pode afetar a regularidade do seu ciclo e levar a um corrimento rosa inesperado.

A perimenopausa ocorre por volta dos 40 anos e pode vir acompanhada de alguns outros sintomas. Sua vagina pode não ser mais tão naturalmente lubrificada quanto costumava ser. Problemas pra dormir, mudanças de humor e ondas de calor também podem acontecer. Mas não precisa sofrer, viu? Você pode consultar sua médica e procurar ajuda para melhorar os seus sintomas. 

8. Infecção Sexualmente Transmissível

Se você fez sexo desprotegido e não está grávida, pode ser que você tenha adquirido uma infecção sexualmente transmissível.

Gonorreia, clamídia e outras ISTs podem causar corrimento incomum, incluindo o sangramento rosa. Preste atenção aos sinais do seu corpo, pois no início as ISTs podem não apresentar nenhum sintoma.

Porém quando os sintomas estão presentes, eles podem incluir: dor ao urinar, coceira vaginal, febre, mau cheiro e sangramentos fora do período menstrual. 

A qualquer sinal de IST, procure seu médico o quanto antes. Quando não tratada, a IST pode se espalhar para os órgãos reprodutivos, causando uma infecção chamada Doença Inflamatória Pélvica (DIP) e pode levar até mesmo à infertilidade.

9. Sinal de cisto no ovário

Um cisto no ovário é como se fosse uma bolsa cheia de líquido que pode se formar dentro ou ao redor do ovário. Nem sempre eles são preocupantes, pois podem desaparecer sozinhos e sem tratamento. 

Enquanto muitas pessoas permanecem assintomáticas, outras podem apresentar sintomas como corrimento rosa, inchaço, dor pélvica, alterações no ciclo e dificuldade para engravidar.

Caso os sintomas sejam muito intensos, sua médica poderá recomendar um tratamento hormonal específico ou, em casos extremos, a cirurgia de remoção do ovário pode ser indicada. 

10. Corrimento rosado após o sexo

Fazer sexo com penetração ou colocar certos objetos dentro da vagina, pode causar irritação e sangramento leve, que pode se apresentar como corrimento rosa. Por isso a lubrificação na hora H é tão importante pra nós. 

Se você apresentou sangramento após o sexo de maneira pontual, geralmente não há com o que se preocupar. Apenas lembre-se da lubrificação na próxima vez e tire uma folga das atividades sexuais enquanto seu corpo se recupera.

Se o sangramento após o sexo persistir, vale consultar sua médica para checar se está tudo certo com a sua saúde. Você pode ter um ectrópio uterino, que é uma espécie de ferida no colo do útero. Essa inflamação pode surgir devido ao uso de anticoncepcionais, gravidez ou no período pós-parto.

Em raras situações, o corrimento rosa também está associado ao câncer do colo do útero. Por isso a gente reforça: sempre procure ajuda médica para ver se tá tudo bem, combinado assim?

 

O que fazer quando notar sangramento ou corrimento rosado?

Se você notar o sangramento rosa somente antes ou depois do período menstrual, geralmente não é algo para se preocupar. É apenas o seu sangue menstrual misturado com muco cervical que resultou num corrimento rosado.

No entanto, se o sangramento rosa aconteceu longe do período menstrual, vale investigar a causa, especialmente se ele se tornar frequente. 

Sangramento rosa pode indicar uma simples ovulação, mas também pode estar associado a outras condições de saúde, como desequilíbrio hormonal, cistos ovarianos ou infecções sexualmente transmissíveis.

Se você também notar outros sintomas como dor ao fazer xixi ou durante o sexo, cheiro desagradável, dor pélvica ou febre então é melhor verificar com seu médico para descartar quaisquer problemas de saúde.

 

O que usar no lugar do absorvente descartável?

Independente da causa, lidar com sangramentos nem sempre é uma tarefa fácil. Afinal de contas usar absorvente descartável é sempre um incômodo, né? 

Além disso, eles abafam a região íntima e favorecem a proliferação de fungos e bactérias que causam mau cheiro.

Mas sabia que já existem opções muito mais saudáveis e sustentáveis que podem substituir o absorvente descartável?

A Korui tem 4 opções pra você escolher. O coletor menstrual e o disco menstrual são alternativas de uso interno que coletam o sangue por até 12 horas. E o melhor de tudo é que eles são feitos de silicone medicinal, um material seguro e hipoalergênico.  

Agora, se você prefere opções externas, a calcinha absorvente e o absorvente reutilizável são opções perfeitas. Seus tecidos inteligentes garantem máxima absorção e um toque super suave na pele. Pode dizer adeus às alergias!

Todas essas opções são reutilizáveis e podem durar por váaarios anos! Experimente um novo jeito de lidar com o seu ciclo. Sem plástico, sem tabus e em harmonia com o planeta!

Coletor menstrual, calcinha absorvente ou absorvente de pano: qual escolher?

Coletor menstrual ou disco menstrual: qual escolher?

Voltar para o blog

2 comentários

Meuito útil!

Gisele

Minha menstruação começa entre o dia 3 ao 5 e dura 6 dias, essa madrugada do dia 2 fui ao banheiro fiz xixi normal mas quando fui me limpar percebi que no papel saiu um corrimento rosado, depois que acordei fui verificar se eu já tinha menstruado e ñ menstruei, agr no momento só mancha, pois minha menstruação quando desce costuma ser bastante, estou sentindo dor pélvica, mas nem sinal de menstruar somente está manchado, alguém pode me explicar??

Viviane

deixe seu comentário aqui :)

nosso impacto

Mais do que uma marca, somos uma comunidade de pessoas procurando soluções para problemas sociais e ambientais e querendo muito gerar impacto positivo para o mundo!

Sabia que nós já impedimos o descarte de 220 milhões de produtos descartáveis? Isso equivale a 3200 toneladas de lixo a menos no mundo! 🌎💚

Além disso, somos engajados no combate à pobreza menstrual. Criamos o projeto Dona do Meu Fluxo, que leva educação e coletores menstruais para mulheres em situação de vulnerabilidade social, que muitas vezes usam miolo de pão para conter a menstruação. Nossos copinhos duram muitos anos, o que não apenas traz liberdade, mas saúde, confiança e dignidade. 💪❤️

vem saber mais