O que é esse tal de Greenwashing? - Entenda o significado desse termo e porque ele é importante!

O que é esse tal de Greenwashing? - Entenda o significado desse termo e porque ele é importante!

O greenwashing, ou "maquiagem verde", é uma prática que algumas empresas usam para transmitir uma imagem de comprometimento com a sustentabilidade que na realidade não existe. 😶 Neste blog post, vamos entender melhor o que é esse tal de greenwashing e como identificá-lo para não cair nesse “golpe”. Vem com a gente! 👇

 

Nem tudo que parece, realmente é 🌿

Estamos passando por um momento em que, felizmente, a consciência ambiental está ganhando mais espaço. 🤩 Porém muitas empresas, visando lucrar em cima dessa preocupação com o meio ambiente, agem de má fé na tentativa de enganar o consumidor. 😒 O greenwashing ocorre quando uma organização investe em comunicar ações relacionadas à sustentabilidade fazendo uma “maquiagem verde” para camuflar, mentir ou omitir informações sobre os reais impactos ambientais de suas atividades.

Uma estratégia muito utilizada é usar símbolos que geralmente reconhecemos como vinculados a sustentabilidade como itens na cor verde (💚♻️) ou palavras como “Eco”. 

Então, as empresas aproveitam dessas associações para criar imagens e logotipos, além de divulgar informações enganosas sobre produtos ou iniciativas falsas de responsabilidade ambiental. 😑

Mas como podemos perceber a diferença entre a verdadeira sustentabilidade e a fachada verde? Continua a leitura por aí que vamos descobrir! 👇 

 

Está escrito, mas será que é real? 🤔

Algumas palavras como "verde", “Eco”, "ecológico" e "sustentável" podem ser usadas estrategicamente para passar uma ideia sustentável, mas sem fundamento. Empresas verdadeiramente comprometidas com a sustentabilidade fornecem informações mais profundas sobre suas práticas. 👐

Quer um exemplo? Em 2017 uma das maiores montadoras do mundo estampou o prefixo “Eco” em alguns de seus motores, afirmando que eles reduziriam a emissão de gases de efeito estufa… Porém, o órgão de fiscalização comprovou que não havia evidências de que as emissões de poluentes seriam reduzidas. Então, a montadora foi obrigada a retirar o prefixo. Investigar se as práticas que a empresa diz fazer são realmente reais é sempre uma boa pedida 😉

 

Pense no todo! 🌐

Além do resultado final do produto, devemos também nos preocupar com os processos de produção e descarte desses itens. 😉 Uma forma fácil de avaliar esses pontos é fazer os seguintes questionamentos: A empresa demonstra ter preocupação com relação ao descarte dos seus produtos? Ela cria produtos que podem ser reciclados, reutilizados ou com materiais biodegradáveis? Essa empresa tem uma relação de trabalho justa com quem produz os seus itens? 🤔

Fazendo essas perguntas você consegue perceber se a empresa realmente está pensando em contribuir para o mundo com relações justas de mão de obra, em produções mais limpas, com um produto menos poluente e com um destino melhor, pensando nesse produto de forma cíclica. ♻️


Não caia nessa! 🕵️‍♀️

É importante checar se as certificações ambientais anunciadas são reconhecidas por organizações confiáveis. Existem certificações duvidosas que são usadas como parte do greenwashing. Essa busca pode dar um trabalhinho, mas vale a pena pra garantir que o nossos esforços estão realmente fazendo a diferença, né? 😉
Aqui na Korui, por exemplo, temos a certificação B, o que significa que atendemos a rigorosos padrões de desempenho social, ambiental, transparência e responsabilidade legal. 🤩 Essa é uma certificação super valorizada globalmente por medir ações de impacto socioambiental de uma empresa. O responsável por essa certificação é uma organização norte-americana sem fins lucrativos chamada B Lab. ✅ 

 

O produto é "Eco-friendly” mesmo? 🌿

Muitas empresas destacam seus produtos como amigáveis ao meio ambiente, mas, quando nos aprofundamos um pouco mais, descobrimos incoerências como embalagens plásticas, uso de químicos agressivos e outras atitudes que não são sustentáveis. Pior ainda é perceber que não houve sequer a tentativa de utilizar uma solução/alternativa ecológica visando diminuir o impacto ambiental. 🤔

🚨 Ahh, tem um ponto bemm importante pra destacar aqui! Dependendo do que é o produto da marca, nem sempre é possível encontrar uma solução 100% sustentável e isso não significa que não há o interesse da marca em fazer a diferença. Mesmo que uma pequena porcentagem do ciclo do produto não seja “Eco friendly”, ainda é importante valorizar os esforços das empresas que visam reduzir os impactos. Aqui precisamos nos atentar ao propósito da marca, por isso é sempre bom consumirmos de quem confiamos. 🤗


 

É muito importante estarmos vigilantes contra o greenwashing e identificar essas práticas enganosas não apenas protege os consumidores, como também envia um sinal claro de que as empresas devem adotar abordagens genuínas para lidar com as questões ambientais. 😌 Nós, como consumidores, temos um poder muuito importante em mãos, que é ajudar no crescimento de empresas realmente comprometidas com a sustentabilidade. 💪


Simplificando, questione e escolha apoiar negócios verdadeiramente comprometidos com um futuro mais verde. 🌍💚 E aí, já viu alguma situação de greenwashing? Tem algum caso pra nos contar aqui nos comentários? Compartilha com a gente! 😊
Voltar para o blog

Deixe um comentário

nosso impacto

Mais do que uma marca, somos uma comunidade de pessoas procurando soluções para problemas sociais e ambientais e querendo muito gerar impacto positivo para o mundo!

Sabia que nós já impedimos o descarte de 220 milhões de produtos descartáveis? Isso equivale a 3200 toneladas de lixo a menos no mundo! 🌎💚

Além disso, somos engajados no combate à pobreza menstrual. Criamos o projeto Dona do Meu Fluxo, que leva educação e coletores menstruais para mulheres em situação de vulnerabilidade social, que muitas vezes usam miolo de pão para conter a menstruação. Nossos copinhos duram muitos anos, o que não apenas traz liberdade, mas saúde, confiança e dignidade. 💪❤️

vem saber mais