Prazer, eu sou seu útero!

Prazer, eu sou seu útero!

O útero, esse órgão tão pequeno e importante que causa dúvidas e questionamentos sobre suas funções. Será que você sabe sobre todos os órgãos que formam o sistema reprodutivo feminino? Será que você tá sabendo certinho qual é a papel de cada um?

Vem que a gente mostra passo a passo 😉

Útero

 

Ovários – eles são as glândulas reprodutivas! E são os grandes responsáveis pela produção dos hormônios sexuais femininos, progesterona e estrogênio – aqueles hormônios que variam ao longo do mês e podem ocasionar a tal da TPM (tensão pré menstrual). Também são os criadores e guardiões dos óvulos, que são liberados um a cada mês e recolhidos pelas tubas uterinas, enquanto durar a vida reprodutiva da mulher. 

Tubas Uterinas – nosso nome antigo é trompas de falópio. São dois tubos de cerca de 10 cm que se localizam um de cada lado do útero e conduzem os óvulos produzidos nos ovários até esse órgão. É nas tubas que ocorre a fecundação – sim, é aqui e não no útero. 

O útero é o centro de tudo (ou não) – com o tamanho e a aparência de uma pêra invertida. Quando falamos no sistema reprodutivo feminino, pensamos direto nele, e errado não tá! É o órgão mais importante, constituído por espessa camada de musculatura lisa. Sua extremidade superior chama-se fundo; a inferior, o colo, se projeta no interior da vagina, canal de ligação do aparelho ginecológico com o exterior.

Você sabia? Localizado entre a bexiga urinária e o reto, o útero pode variar de tamanho e forma, de acordo com a idade, número de filhos e a estimulação hormonal. Em uma pessoa adulta, seu volume normal tem em média de 50 cc a 90cc. 

Agora, sabe 🙂 

Canal Vaginal – é o melhor amigo do colo do útero, e também é o responsável por conectar o útero com o vagina e a vulva.
O canal tubular se estende do colo do útero à vulva, conjunto dos órgãos genitais femininos externos, e o canal vaginal é constituído por uma membrana chamada hímen, que em geral se rompe quando temos a sua primeira relação sexual. Mas muita calma nessa hora!
O hímen pode ser de diversas formas, inclusive pode nunca ter existido no seu corpo. Ou pode ter se rompido andando de bicicleta… O hímen é mais um grande tabu que precisamos desconstruir. 

Normalmente, o canal vaginal tem cerca de 10 cm, mas pode expandir quase 80% do teu tamanho quando estamos excitadas. É por ele que o bebê vai nascer, que teremos relações sexuais e, claro, é o por onde eliminamos o fluxo menstrual.

 

!Viva la Vulva!

E agora é bom ter bastante atenção! 

A vulva corresponde ao conjunto de órgãos genitais femininos externos e visíveis. Faz parte do sistema reprodutor e possui as seguintes estruturas:

Púbis ou monte de Vênus – é uma proeminência constituída por tecido adiposo e recoberta de pelos que começam a surgir na adolescência. Serve como proteção do osso púbico; 

Grandes lábios ou lábios maiores – são dobras formadas por tecido adiposo e conjuntivo, cobertas por pele e pêlos, e são os guardiões da vagina e da uretra contra agentes infecciosos, como fungos e bactérias.

Pequenos lábios ou lábios menores – são duas pregas finas constituídas de mucosa que se localizam no interior dos grandes lábios. São bastante enervadas e vascularizadas, por isso são áreas bastante sensíveis que aumentam de volume quando estamos excitadas.

Vestíbulo vulvar –  é o espaço circundado pelos pequenos lábios. A parte superior do vestíbulo é formada pelo clitóris e a base, pela fúrcula. Em seu interior se localizam o meato uretral, o introito vaginal e as glândulas de Bartholin, que produzem a lubrificação vaginal.

Clitóris – aaah, esse é maravilhoso para não ganhar um destaque! 

Óstio da uretra ou meato uretral – é o orifício por onde sai a urina. Localiza-se entre a entrada da vagina e o clitóris e não faz parte dos órgãos genitais. 

Períneo – é o espacinho entre o final da vagina e ânus.

E antes de qualquer coisa, podemos considerar a nossa vulva como a nossa digital: não tem outra igual! é única! a rainha soberana!

Aqui a gente consegue perceber e entender que o canal da uretra – por onde sai o xixi – não tem nada a ver com o sistema reprodutivo! Apenas dividem o mesmo espaço, mas não compartilham funções.

Dica: quando se sentir confortável, pegue um espelho e posicione entre as pernas, de forma que consiga ver com calma e conhecer a sua ppk! Criar essa relação com ela, ajudará a você perceber texturas, cores, movimentos estranhos futuramente.

 

Ahhhh, o prazeroso clitóris!

O órgão que serve exclusivamente para dar prazer! É isso mesmo, cientistas não encontraram outra utilidade para ele que não seja o prazer. Por fora, ele se localiza na parte superior da vulva, próximo à uretra e perto da junção dos pequenos lábios. Essas partes visíveis são relativamente pequenas,  semelhantes a um grão de feijão, que podem chegar a triplicar de tamanho no auge da excitação. No entanto, o restante do órgão se estende no interior do corpo, e – PREPARE-SE: possui mais de 8 mil terminações nervosas. 

 

Muita calma nessa hora: os hormônios!

Progesterona – hormônio que é responsável por regular o ciclo menstrual da mulher, preparando o útero para receber o óvulo fertilizado e evitar que este seja expulso pelo corpo.

Estrogênio – o responsável pelo tamanho dos nossos seios e quantidade de gordura nos quadris. Em conjunto com a progesterona, os estrogênios como o estradiol e o estriol também atuam na regulação do ciclo hormonal feminino, durante a idade fértil. Na adolescência, os esses hormônios estimulam o desenvolvimento dos seios e maturação do aparelho reprodutor, assim como o crescimento, e alteram a distribuição da gordura pelo corpo. 

HCG – o hormônio Ganadatrofina Cariônica Humana (HCG) é produzido nas células que formarão a placenta durante a gravidez, e vai ajudar a manter o nível de progesterona no sangue durante toda a gestação.

Voltar para o blog

deixe seu comentário aqui :)

nosso impacto

Mais do que uma marca, somos uma comunidade de pessoas procurando soluções para problemas sociais e ambientais e querendo muito gerar impacto positivo para o mundo!

Sabia que nós já impedimos o descarte de 220 milhões de produtos descartáveis? Isso equivale a 3200 toneladas de lixo a menos no mundo! 🌎💚

Além disso, somos engajados no combate à pobreza menstrual. Criamos o projeto Dona do Meu Fluxo, que leva educação e coletores menstruais para mulheres em situação de vulnerabilidade social, que muitas vezes usam miolo de pão para conter a menstruação. Nossos copinhos duram muitos anos, o que não apenas traz liberdade, mas saúde, confiança e dignidade. 💪❤️

vem saber mais