Nosso blog

Tudo sobre, liberdade e empoderamento.

Autoconhecimento,Empoderamento

Corrimento vaginal é normal? Saiba o que a cor e a textura significam.

A secreção vaginal varia em cor e textura durante o ciclo menstrual e saber avaliar cada uma delas pode te fornecer informações super importantes em relação ao funcionamento do seu corpo, momento do seu ciclo menstrual e até em relação à sua saúde. Sabia que analisando a sua secreção vaginal você pode até mesmo aprender a identificar em que momento acontece a sua ovulação? Um autoconhecimento incrível não é mesmo?

E é por causa da importância da secreção vaginal que nós preparamos este post recheado de informações super úteis para te ajudar a desvendar todo esse mistério!

CORRIMENTO VAGINAL É NORMAL?

Antes de mais nada, é importante diferenciar muco cervical de corrimento. O muco cervical é uma lubrificação natural produzida pelo colo do útero e que ajuda a manter a região íntima protegida e saudável. Essa secreção é absolutamente normal e vai mudando de aspecto ao longo do seu ciclo devido a oscilações hormonais naturais do nosso corpo.

Você só precisa se preocupar caso a secreção venha acompanhada de coceira, ardor ou cheiro forte. Aí sim pode ser um corrimento, indicando que algo não anda bem e, portanto, vale a pena consultar o seu médico.

CONHEÇA TEU MUCO E TE DIREI EM QUAL FASE DO CICLO ESTÁS

Agora que você já sabe que muco cervical é normal, a gente te conta algo ainda mais incrível! Sabia que observando o aspecto do muco cervical é possível identificar em qual período do ciclo você está? Isso ocorre devido a atuação dos diferentes hormônios que vão mudando o aspecto do muco em cada etapa do ciclo. E isso é mágico, sabe por que? Porque ao observar o aspecto do seu muco, você vai poder visualizar e entender muuuuuito melhor o seu corpo. Esta informação é super útil para quem está buscando autoconhecimento ou até para quem está tentando engravidar, por exemplo. Isso porque analisando o aspecto do muco você consegue determinar de forma bem assertiva quando acontece a ovulação! Maravilha, né?

Continua lendo que nós vamos te contar todos os detalhes mais abaixo!

CHEGA DE NOJINHO E DÁ UMA OLHADA NA SUA GOSMINHA DO BEM

Então fica tranquila e não precisa ter nojinho ou ficar envergonhada porque o muco cervical é algo absolutamente natural! Checar o aspecto do seu muco é muito simples e a gente te ensina 3 formas:

  • Você pode observar o aspecto da secreção que sai na sua calcinha.
  • Você pode passar papel higiênico ANTES de fazer xixi e checar a aparência do muco.
  • Outra forma é inserir o dedo no canal vaginal, com as mãos limpas. Esse dá pra fazer facilmente durante o banho.

Uma dica para sentir a consistência do seu muco é esfregá-lo e puxá-lo entre o polegar e o dedo indicador. Esse é um momento de autoconhecimento e você pode verificar a cor, o odor e a textura dessa gosminha do bem.

TIPOS DE MUCO CERVICAL - PEGAJOSO, AQUOSO, CLARA DE OVO OU CREMOSO?

O muco cervical funciona como uma espécie de linha do tempo do ciclo menstrual. Isso quer dizer que ele vai mudando de aspecto físico de acordo com cada etapa e você pode acompanhar essas mudanças. Conheça os tipos de muco cervical e o que eles revelam sobre o seu ciclo!

1. Pegajoso

Depois que a menstruação termina, ocorre a produção de um muco pegajoso (tipo uma amoeba, sabe?). Ele é grosso com alguns gruminhos, semelhante a um leite talhado. De aparência branca ou amarelada, esse muco é uma secreção ácida que serve para proteger a área íntima de bactérias e fungos que possam causar doenças. Essa secreção mata os espermatozóides e indica que a pessoa não está no período fértil.

2. Aguado

Depois do muco pegajoso, você vai se aproximando do seu período fértil. E é nesse momento que o muco deixar de ser espesso e vai se tornando um pouco mais líquido. A coloração fica algo entre o branco/amarelado e o transparente. Ele começa a ter um pouco de elasticidade, mas se rompe rapidamente ao colocá-lo entre o polegar e o dedo indicador. Essa etapa já pode ser considerada fértil.

Às vezes a secreção aguada dá a sensação de que escapou xixi na calcinha. Para evitar possíveis incômodos dá pra usar um protetor de calcinha reutilizável, uma opção bem mais saudável que os absorventes diários descartáveis.

3. Clara de Ovo

É o muco gelatinoso, transparente e beeeeem elástico, muito parecido com uma clara de ovo. Esse é o muco mais fértil. Ao colocá-lo entre o polegar e o dedo indicador, ele pode esticar mais de 2,5cm. Algumas mulheres não possuem essa etapa, mas isso não significa que elas não estejam ovulando. Isso ocorre porque o aspecto e a quantidade de produção de muco varia de pessoa para pessoa. As etapas de muco mais líquido e transparente ajudam na condução dos espermatozóides, pois são menos ácidas e funcionam como um lubrificante condutor, indicando o período fértil.

4. Cremoso

Após esse período de ovulação, o muco vai ficando mais cremoso. Ele tem o aspecto de um creme hidratante, sendo assim, não vai ter aqueles gruminhos do muco pegajoso e nem a elasticidade do muco do período fértil. Esse muco de cor branca ou amarelada diminui a mobilidade dos espermatozóides e caracteriza um período não fértil.

MENOS TABU E MAIS LIBERDADE PARA NÓS

Infelizmente pouco é falado sobre secreção vaginal, e o assunto ainda é um tabu até mesmo entre as pessoas que menstruam. Muitas mulheres, principalmente as mais jovens, chegam ao consultórios médicos achando que estão com algum problema de saúde quando na verdade se trata apenas do muco cervical, tão natural quanto a própria menstruação.

Conhecer o muco cervical é uma forma monitorar o andamento do seu ciclo menstrual e entender melhor os sinais do seu corpo.

Você têm o hábito de observar o seu muco cervical ou outros sinais do seu corpo? Conte para a gente a sua experiência, mostre este texto para quem acabou de menstruar ou converse com uma amiga a respeito! Ajude a criar um diálogo mais aberto sobre essa gosminha do bem. Uma por todas e todas por uma! o/o

Deixe um comentário