Nosso blog

Tudo sobre, liberdade e empoderamento.

Absorventes reutilizáveis,Aut...

Homens podem menstruar? A resposta é sim!

homens-trans-pode-menstruar

Embora a menstruação ainda seja muito ligada ao gênero feminino, homens trans também podem menstruar, assim como pessoas não-binárias, intersexuais e tantas outras!

Alguns desses termos ainda são confusos para você? Não tem problema, porque a gente te explica tudo.

Com informação, podemos quebrar o tabu e tornar as conversas sobre menstruação (finalmente!) mais inclusivas.

Vem cá entender um pouco mais sobre isso! (:


Por que menstruação não é apenas coisa de mulher?

A menstruação é uma função biológica do nosso corpo que não está relacionada ao gênero da pessoa. Então nem todas as mulheres menstruam e nem toda pessoa que menstrua é uma mulher.

Vamos fazer uma análise detalhada para entender melhor.

Não binário - algumas pessoas não percebem que a palavra "mulher" ou "homem" se encaixa na maneira como se sentem. Dessa forma, elas podem se sentir como os dois ao mesmo tempo ou nenhum dos dois. E, de modo geral, se elas tiverem útero, elas também podem menstruar.

Intersexo - são pessoas nascidas com características sexuais (tipo cromossomos, genitálias e tal) que não se encaixam na definição binária típica de menino ou menina. E isso não é tão incomum, viu? Cerca de 1,7% da população nasce com características intersexuais, ou seja, é algo quase tão comum quanto nascer com cabelos ruivos. E sim, pode ser que a pessoa intersexo também menstrue, tá?

Cisgênero - pessoas cis se identificam com o sexo que foram designadas no nascimento. Se o médico lhe atribuiu o sexo feminino e você se sente como uma garota ou mulher, então você é uma pessoa cis. E como todo mundo já sabe, a maioria das mulheres cis lida com a menstruação todo mês.

Transgênero: a pessoa trans têm uma identidade de gênero diferente da que foi originalmente atribuída no nascimento. Por exemplo, quando você nasceu seu médico viu que você tinha uma vagina e, o sexo “feminino” foi automaticamente adicionado à sua certidão de nascimento.

Contudo, a pessoa trans se sente e se identifica com um gênero diferente do que as informações da certidão de nascimento indicam. Sendo assim, uma pessoa que foi designada ao nascer como mulher pode se identificar como um homem trans, por exemplo. Ah! E se a pessoa trans tiver útero, ela também pode menstruar sim.

Por isso, para não deixar ninguém de fora, é bem importante a gente ampliar os diálogos sobre menstruação para muito além dos gêneros.

O que é ser um homem trans?

Como já vimos, a pessoa transgênero possui uma identidade de gênero que é diferente do sexo que lhe foi designado no momento de seu nascimento.

Dessa forma, homens trans se identificam como homens, mas foram classificados como do sexo feminino ao nascer.

Se entender trans é um processo individual para cada pessoa. E a transição pode envolver diferentes aspectos como a escolha do nome social e a transição com terapia hormonal, como o uso da testosterona.

Como é a menstruação para o homem trans?

Durante a transição, algumas pessoas trans tomam hormônios ou passam por cirurgias - como a remoção do útero - para colocar seu corpo em harmonia com sua identidade de gênero. Já outras não. Por isso, precisamos normalizar o fato de que homens trans também precisam lidar com a menstruação.

Enquanto para algumas homens trans tá tudo bem continuar menstruando, para outros pode ser um grande desconforto e até mesmo uma questão grave de saúde mental.

Diante disso, menstruar pode ser ainda mais complicado para quem está iniciando o processo de transição. Afinal de contas, durante a menstruação muitos precisam voltar a usar calcinha e absorvente, o que pode ser uma experiência bem frustrante.

Além do mais, mesmo com a terapia com hormônios, a menstruação pode não ser interrompida imediatamente, podendo se prolongar por alguns meses. Dessa forma, há homens que já na primeira dose de testosterona deixam de menstruar, enquanto outros podem levar algum tempo até a menstruação cessar por completo.

Quando homens compram produtos menstruais

Um problema comum para o público transgênero é a falta de representatividade em relação aos produtos para menstruação. O uso exclusivo de termos relacionados ao gênero feminino, como “produtos de higiene feminina” é um exemplo.

A menstruação é uma experiência plural, que envolve mulheres cisgênero, mas não somente elas. Por isso, é importante não invisibilizar pessoas LGBTQIA+ que menstruam, inclusive as pessoas trans.

Além disso, não podemos deixar de lembrar que homens comprando produtos menstruais já deveria ter deixado de ser tabu faz tempo, né? Independente de ser um homem trans ou cis.

Afinal, um pai pode comprar um absorvente para a sua filha ou um marido pode presentear a esposa com um coletor menstrual. E um homem trans também pode comprar um produto menstrual para uso próprio. E tá tudo bem!

O mercado de produtos menstruais finalmente está acordando para incluir toda a diversidade de pessoas que menstruam. E isso é ótimo! Neste novo cenário, algumas alternativas além do absorvente descartável comum podem oferecer mais segurança e conforto.

O coletor menstrual, por exemplo, é um copinho de uso interno e que pode ser usado por até 12 horas. Outra possibilidade para quem sofre com alergia aos absorventes descartáveis, são os absorventes de pano. As calcinhas absorventes também podem ajudar a deixar esse momento mais confortável emocionalmente.

Como tornar a menstruação mais inclusiva?

Nossos corpos não determinam a complexidade da nossa identidade. Afinal de contas, nós somos muito mais do que meros corpos. Pessoas de todos os gêneros podem menstruar e merecem apoio e acesso à informação de forma clara e inclusiva.

E vale lembrar que toda a sociedade faz parte dessa mudança por um diálogo mais aberto sobre a menstruação.

Aqui na Korui, estamos em uma jornada contínua para entender as necessidades de todos. E seguimos evoluindo para incluir experiências menstruais diversas, já que cada pessoa tem uma relação única com a menstruação.

Também acreditamos que, à medida que encaminhamos para uma conversa mais plural, nossa comunidade fica ainda mais unida para desconstruir mitos e tabus do passado.

Conheça 5 pequenos gestos que podem acabar com o tabu da menstruação

Queremos ouvir a sua voz

Se você se identifica com essas questões, adoraríamos ouvir a sua voz aí nos comentários. Por aqui você pode abrir o coração e sugerir como podemos tornar a nossa experiência mais acolhedora para você.

Se preferir, também fique à vontade para falar com a gente pelo [email protected] :)

Deixe um comentário